A Evolução do Pensamento

Muitas vezes, observa-se um desgaste inútil na relação mãe-filho por um desconhecimento em relação ao próprio desenvolvimento da criança e as diferentes etapas na formação da sua personalidade.

A seguir os links para as características do desenvolvimento da criança, nas diferentes faixas etárias:

Tendo recebido inúmeros pedidos de indicação de livros para essas faixas etárias, recomendo os da Clínica Tavistock. Em português, publicados pela Editora Imago (<=link) :

  • Compreendendo seu filho de 1 anos – Deborah Steiner
  • Compreendendo seu filho de 2 anos – Susan Reid
  • Compreendendo seu filho de 3 anos – Judith Trowell
  • Compreendendo seu filho de 4 anos – Lisa Miller
  • Compreendendo seu filho de 5 anos – Lesley Holditch
  • Compreendendo seu filho de 6 anos – Deborah Steiner
  • Compreendendo seu filho de 7 anos – Elsie Osborne
  • Compreendendo seu filho de 8 anos – Lisa Miller
  • Compreendendo seu filho de 10 anos – Jonathan Bradley

20 opiniões sobre “A Evolução do Pensamento

  1. eu tenho 10 anos de idade e eu estou na 4ªserie e eu queria saber se eu sou criança ou se eu sou pré adolecente pois meu corpo já esta se desenvolvendo e eu estou muito curiosa pra saber se eu sou ainda criança ou se eu já sou pré adolescente
    Por favor entre em contanto comigo
    bjokas ; gabriela
    adorei a materia de vocês

  2. Oi Gabriela!
    Vc pode se considerar uma pré adolescente, já que seu corpo está em pleno desenvolvimento.
    Teoricamente, adolescente são aqueles que completam os 13 anos em diante. até 19. Por que isso?
    Na divisão americana, teen agers são adolescentes porque en ingles, 13 ,14,15,etc têm a terminação teen; como por ex; 19=nineteen. Daí os teen agers .
    Já os meninos demoram mais no desenvolvimento que as meninas e meninos de 10 anos são considerados ainda crianças.
    No entanto, não podemos dizer que TODAS as meninas de 10 anos são pre- adolescentes, Muitas delas demoram mais a chegar nesse desenvolvimento corporal, começando bem mais tarde.
    Portanto, esse desenvolvimento varia muito entre meninas mas parece que vc começou bem cedo, não é?
    Beijo

  3. BOM DIA
    MEU FILHO TEM QUATRO ANOS E ADORA VESTIR MINHAS ROUPAS E SAPATOS E DANÇAR COM TREJEITOS DE BAILARINA. NA ESCOLA TEM MAIS AFINIDADE COM UMA MENINA DE SUA SALA E ESSA MENINA TEM VERDADEIRO AMOR POR ELE. BRINCA COM OS MENINOS TAMBEM, MAS EU VEJO QUE OS MENINOS O REJEITAM UM POUCO. DESCONFIEI QUE E PORQUE ELES GOSTAM DE BRINCAR DE LUTA E BRINCADEIRAS DE CORRER E EU ACONSELHO A NAÕ FAZER ISTO. O MOTIVO E PARA NAO ESTIMULAR A AGRESSIVIDADE. O CORRER É PORQUE ELE SENTE DORES HORRIVEIS DURANTE A NOITE NAS PERNAS. E ACHO TAMBEM POR ELE CHAMAR À ATENÇÃO DOS COLEGAS, POR EXEMPLO: FALAR PARA OS COLEGAS NAO FAZEREM BAGUNÇA E AJUDA A TIA, POR CIÚMES) É UM MENINO INTELIGENTE SE CONCENTRA MAIS EM ATIVIDADES COMO DESENHAR, EXERCICIOS ESCOLARES, RECORTAR, HISTORIAS E DVDS. ADORA JOGAR BOLA (ÓTIMA COORDENAÇÃO MOTORA FINA E GROSSA), PISCINA, TEATRO, MUSICA …
    ATE QUE PONTO DEVO ME PREOCUPAR COM SUA MASCULINIDADE. ISSO É NORMAL E SE NAO FOR DEVO PROCURAR AJUDA? QUAL PROFISSIONAL DEVO PROCURAR?

    OBS: O PAI TRABALHA EM OUTRA CIDADE E ESTA PRESENTE FINAIS DE SEMANA. É UM PAI SUPER CARINHOSO E ATENCIOSO, MAS NAO TEM “MAO FIRME”, MAS MESMO ASSIM ELE O OBEDECE, POIS ELE CONVERSA MUITO E EXPLICA BASTANTE O QUE ESTA ERRADO

    GOSTARIA MUITO DE OBTER UMA ATENÇAO DE VOCES
    DESDE JA AGRADEÇO
    ATENCIOSAMENTE
    C.

  4. Marilena Responde…
    Assim como você o desestimula a não brincar de lutar com outros meninos e não correr, você também deve desestimulá-lo a não brincar com suas roupas e sapatos. Ofereça alternativas de distração para que ele se entretenha.
    Observe, também, o porquê do cansaço nas pernas, porque nessa idade, os meninos gostam de brincadeira de correr e isso é saudável. Aliás, esta seria uma outra brincadeira para que ele pudesse se aproximar mais dos meninos.
    Tudo o que ele puder fazer com esse grupo, melhor. O entrosamento dos meninos entre si é muito saudável nessa idade.
    A identificação sexual começa a partir daí, indo para os 6 até 8 anos. Portanto, quanto mais contato ele tiver com o pai, ou uma figura masculina mais próxima, como tio ou avô, melhor. O contato com o pai nos fins de semana é essencial. Estimule a aproximação deles, desde uma simples saída a padaria, ou compra de jornal, observar o pai fazer a barba, trocar alguma coisa em casa, fazer alguma compra, etc. Seu filho poderá observar que até mesmo as coisas mais simples são feitas diferentemente por um homem e essa é a hora dele começar a “copiar” e a se identificar.
    Como você passa a semana inteira com seu filho, saia um pouco de cena nos fins de semana e deixe o espaço para seu marido. Isso só fará bem a seu filho.

  5. Oi, eu tenho 10 anos e estou na 4a série, eu queria saber se eu sou PRÉ-ADOLESCENTE ou CRIANÇA ainda, porquê meu corpo já está se desenvolvendo…
    OBS:MEU CORPO JÁ ESTÁ QUASE DESENVOLVIDO PLENAMENTE…

  6. Marilena responde:
    Como vc mesmo escreveu, seu corpo está em desenvolvimento. Isso pode acontecer mesmo aos 10 anos de idade. Mas, o adolescente masculino, apresenta outras características. como o engrossar o timbre da voz, aumento dos pelos do corpo, tanto pelos pubianos, como dos braços e pernas, e nesse desenvolvimento, pode-se dizer que o menino já está na pré-adolescência.

    Quando esse processo ainda está no começo, o menino ainda é uma criança e é preciso observar esse conjunto de caracterísitcas, para se poder definir esse período como pré adolescencia.

    Vc deve saber exatamente se tudo isso está ocorrendo.

    Se for este o seu caso, voce pode se considerar um pré-adolescente. Caso vc esteja no início desse processo, ainda é uma criança onde seu corpo já está se preparando para receber as modificações necessárias que farão de vc um pre-adolescente.

    Normalmente, a adolescencia inicia-se na faixa dos 13 anos. É o período onde tudo iso está ocorrendo ao mesmo tempo mas ainda nâo se completou totalmente. quando esse quadro se completa, o adolescente já entrou na fase adulta.

  7. Olá!
    Sou professora, trabalho com crianças-adolescentes dos 9 aos 16 anos.
    Como lidar com cada uma destas fases? Uma crianças de 9 anos é muito diferente da de 12 anos?
    Como agradá-los? Muitos reclamam que eu sou chata, exigente. Gosto muito deles, mas às vezes não sei como ser legal para eles, como lidar com tanta rebeldia, e, pior como fazê-los a fazer as tarefas numa boa.
    Você tem algumas dicas?

  8. Marilena responde:
    Crianças são totalmente diferentes de 9 e 12 anos, e meninos de meninas.
    Portanto, seus intesses tb são diferentes.
    Como vc é professora e se trata da parte de educação e ensino, a pessoa mais apropriada a dar dicas de interesse na aula e aprendizado, seria uma pedagoga ou psicopedagoga.
    Ela poderá aliar o interesse de cada idade ao ensino e inclusive mostrar a vc como desenvolver o estímulo de cada aluno.

  9. Tenho 2 netas de 4 anos e 5 meses e outra de 2 anos e 9 meses que ficaram órfãs de mãe há 1 ano e meio. A mais velha que conviveu 2 anos e nove meses com a mãe é bem feminina, vaidosa e gosta de roupas apropriadas para a sua idade (tendendo mais para o lado mocinha). Já a mais nova que só conviveu 1 ano com a mãe doente, não tem parametro da mãe e só do pai, não gosta de maquilagem, nem de vestidos. Prefere shorts e para tirar fotos no studio onde devia se pintar foi um berreiro só. Brinca com meninas e meninos, mas prefere a companhia dos meninos. NO NATAL DISSE QUE QUERIA GANHAR UM PINTO( REFERENCIA AO ÓRGAO MASCULINO). É normal essa atitude, não devo me preocupar. E a falta de referencia feminina como fica? atenciosamente gaby

  10. Marilena responde:
    É mais normal a criança na idade de 2 anos gostar tanto de brinquedos de meninos quanto de meninas.
    A referencia feminina de identificação sexual acontece somente mais tarde.
    Como ela tem vc como referencia, não se preocupe com isso. Tendo uma figura feminina ao lado ela se identificará com vc mais tarde.
    Essa identificação será mais forte aos 6 anos, como a imitação de comportamentos femininos.
    É importante saber que o gosto pelo feminino, como maquiagem etc não acontece nessa idade anos, ou mesmo de 3 e até 4.
    Ela ainda está na idade de percepção, ou seja, de perceber detalhes e de aprender.
    A maquiagem para ela, com certeza, deve ser uma tortura, pois ela ainda não entende seu significado e nessa idade nem pode ainda.
    Acessórios feminimos estão fora de questão. O interesse dela nesse momento é de observar e por isso mesmo ela já observou a diferença sexual.
    É normal tb a criança querer um “pinto”, pois ele representa aquilo que parece estar faltando nela. Mas, é apenas uma questão de diferenciação.
    Sua presença no devido tempo, no lugar da mãe, fará a identificação sexual adequada.
    Nunca podemos comparar as crianças com suas preferencias mesmo sendo irmãs. Algumas se interessam mais cedo que outras por comportamentos femininos.

  11. 09/07/08 Comentário recebido de um pai:
    Olá, tenho um filho de 13 anos e outro de 8 anos. Hoje eu corrigi meu filho mais velho para que não seja obsessivo com suas coisas pois está sempre arrumando (de modo exagerado) as coisas em seu lugar, mesmo que não tenham sido mexidas, arruma o que já estava arrumado.
    Então disse-lhe que cuidasse para que este hábito não se torne um vício difícil de controlar.
    Respondeu-me então de que apenas o critico. Isto não é verdade, pois tomo o cuidado de elogiá-lo também. Aliás é um excelente menino na escola e tira notas muito boas.
    Fiquei chateado com sua resposta e falei que anda muito agressivo em suas respostas e em suas brincadeiras comigo e com as pessoas. Então dei um empurrão (simples) para mostrar-lhe como faz comigo quando está brincando descuidadamente. De repente, ele caiu no empurrão que dei (sem a intenção de derrubá-lo) e ficou nervoso.
    Ele disse-me que se eu fisesse isto de novo ele faria 10 vezes pior comigo (ficou com muita raiva de ter caido).
    Também fiquei brabo com o comentário que fez e dei-lhe uma bronca muito grande sobre o comportamento e desreipeito que teve sobre mim, fazendo este comentário.
    Ele ficou mais magoado ainda com a minha bronca.
    Para não piorar as coisas e nem parecer negligente, afinal, o que devo fazer neste momento em que ele faz comentários muito desrespeitosos comigo e fica agressivo nas respostas ?

    Marilena responde:
    Parece que você mesmo começou com uma certa implicância em relação à sua obssessão de arrumação.
    Vc perguntou à ele o porque disso? Por que precisa arrumar tudo com tanta precisão? Perguntou como poderia ajudar nisso?
    Seu filho não se sente muito adaptado e, por isso, parece precisar “adaptar” suas coisas corretamente.

    Voce mesmo disse que ele comentou que recebe mais críticas. Seu comentário sobre sua arrumação já é uma crítica.
    Empurrar seu filho como ele o empurra, gera uma situação de igualdade entre você e ele e não de hierarquia como deveria ser.
    A crítica em relação ao desrespeito, seria sim conveniente e adequada mostrando o quanto incomoda você.
    Por isso ele devolve dizendo que irá fazer igual e mais da próxima vez.

    Se ele já demonstra uma certa rigidez na arrumação, seria conveniente que você consultasse um terapeuta para ver a necessidade de orientação para você ou se já seria o caso de levá-lo a uma terapeuta.
    Outra opção seria a terapia em família que, também, ajudaria bastante para ver a dinâmica de todos os envolvidos.

  12. 10/07/08 Comentário recebido:
    Olá! Tenho um sobrinho que completou 10 anos, ele ainda é bem infantil e tem umas atitudes bastante infantil pela idade, como gritar do nada, ficar falando com outras vozes alto para chamar atenção.
    Ele tem uma irmã de 06 anos, e não deixa ela em paz, provoca, fica mexendo no cabelo dela, fica arrumando-a, pois é muito vaidoso, mas é ligado muito a coisas femininas, como dar opinião se está feio ou não, o que combina com que, realmente tem um belo gosto, mas ficamos preocupados com tal atitude, podendo ser uma ignorância, mas queremos que ele desenvolva mais o lado masculino.
    Ele ficou orfão de pai recentemente, não tem uma referencia masculina, pois, há 02 anos seus pais se separaram, ficando com a mãe e com a irmã, mora próximo a uma prima de 07 anos, avó, tias e empregada (com muitas mulheres)… o que fazemos pra suprir sua referencia quanto a figura masculina? Presenteamos com patins, skate, bicicleta, celular, aparelho de som portatil, playstation, mp4, perfumes masculinos, gel para cabelo, corrente de moleque, tênis de marca de skatista, roupas de skatistas, pois e muito vaidoso. Ele é muito esforçado e inteligente, faz inglês e toca instrumento. Tudo isso fazemos para suprir a falta de sua referencia masculina, mas ele não é um menino muito ativo para atividade fisica, e até um pouco mole.
    Por favor, nos ajude a lhe oferecer uma figura masculina, através de outros meios, não só mais com brinquedos e objetos como presente.

    Marilena responde:
    Esses brinquedos precisam ser substituídos por brincadeiras com meninos da idade dele.
    Seria bom convidar alguns amigos para brincarem com ele em casa ou que ele fosse para casa de algum amigo que tenha pai (fim de semana, por exemplo) para que ele pudesse ir vendo o comportamento de uma pessoa do sexo masculino.
    Ele deve passar mais tempo em atividades esportivas do que focado em brinquedos. Esporte como futebol, judo, natação, ginástica olímpica específica para crianças, etc…
    Quanto mais tempo ele passar com mulheres, mais intenso ficará seu comportamento. Ao contrário, quanto mais tempo passar com amigos e pais de amigos, melhor será o aprendizado nesse sentido.

  13. Olá!tenho 13 anos faço o 8 ano.
    o q eu acho é q os pais só precisavam dar mais atenção aos filhos!

  14. Obs.: Publicamos diretamente aqui, pois a resposta enviada por e-mail voltou por erro de destinatário.
    Oiii gente!*
    Eu tenho 12 anos …estou no 7º ano e ja sou adolescente pois meu corpo da está se desenvolvendo
    Quando estou no periodo mestrual fico muito sensivel ninguem pode falar nada que eu ja choro mais ninguem entende o meu lado nessa casa
    eu sou muito contralada pois tenho uma irma de 9 anos mais com a mente de uma criança de 3…ele se comporta muito mal e ela me provoca d + mais eu não consigo me controlar qualquer dia eu pego ela e eu não sei o que eu posso fazer com ela …ela e o tipo de criança q faz tudo para aparecer exemplos: Fica gritando que nem uma retardada , apaga a luz quando eu estou em algum comodo da casa e faz de tudo para ferrar minha imagem com minha mae. Tudo o que ela faz comigo eu conto para minha mae e ela não faz nada mais se eu arrancar um fio de cabelo dela minha mae ja me enche a paciencia ! e sempre q minha mae vai falar algo ela sempre tem que me colocar eu no meio (meu se ela ta falando com minha irma ela tem que citar o nome dela …não o meu !) e minha mae vive me comparando com meu amigos … Exemplos:Meu vizinho o … ela vive falando: “é porque o … é homem, ele faz as coisas mais rapido q vc ..voce e muito lerda ele lava um alouça em 15 min e vc em 50 min. Meu eu não quero saber dos outros …eu por ter 12 anos ela tem que me entender porque eu estou passando por uma fase dificil de um adolescente …porque acham q existem drogados por aii alcoolicos porque não teem apoio em casa esse pais deveriam apoiar mais os filhos adolescente.
    O que eu posso fazer para essa situação?
    Me ajuda porque eu não aguento mais conviver com pessoas que não entendem o meu lad só sabem me criticar !!!

  15. Marilena responde:
    Pais ou mães como os seus precisam de informação para poderem mudar e o conceito de educação.
    Você pode, por exemplo, imprimir e mostrar à sua mãe os artigos (links):
    Ciúmes: Irmão Maior vs. Irmão Menor;
    Comportamento entre Irmãos,
    Tempo com filhos e
    Depoimento de uma Mãe
    (você pode lê-los depois).
    Caso você perceba que a situação não muda e você se sinta mais angustiada com tudo isso, uma alternativa é procurar se informar na sua escola se existe alguma psicóloga infantil à disposiçào dos alunos e converse com ela para que sua mãe seja chamada.
    Caso não exista nenhuma na escola, uma alternativa é conversar com uma professora mais próxima, para ela sabendo da situação, convoque sua mãe e possa dar a ela uma orientação sobre isso.
    De qualquer maneira, caso você não queira usar nenhuma alternativa acima, você poderá fazer com sua mãe, o que fez comigo: seja transparente e converse com ela exatamento como você escreveu. Você pode inclusive escrever tudo o que pensa e sente e simplesmente entregar a ela.
    Veja o que poderá melhor ajudar você.

  16. Obs.: Publicamos diretamente aqui, pois a resposta enviada por e-mail retornou por erro de endereço.
    oi tenho 11 anos e ja penso em namorar sera se eu poderia

  17. Marilena responde:
    Muito cedo para isso. Se você não viver intensamente essa fase sua, a tendência será vivê-la na adolescência ou na fase adulta.

    Se você conhece bem a história do Michael Jackson verá que ele viveu “coisas de criança” já na fase adulta. Isso porque ele já vivia coisas de um adulto quando era criança. Tornou-se portanto, um adulto infantilizado.

    Nessa idade, se você namorar agora, irá distanciar-se do grupo de amigos (o que acontece necessariamente quando se namora). Com isso, você corre o risco de mais tarde, mesmo quando estiver com alguém (namorando ou casado) queira viver com amigos; o que trará muitos problemas.

    Sei que é meio difícil você entender e pensar no futuro, mas pode ter certeza que será exatamente assim que acontecerá.
    Vale a pena esperar…

  18. Obs.: Publicamos aqui, pois a resposta enviada por e-mail retornou por erro no endereço.
    Tenho 10 anos,queria saber se ja sou pré-adolescente pq meu corpo ja esta em pleno desenvolvimento.
    me responda por favor to mto curioso. espero que me ajudem.tchau.

  19. Marilena responde:
    O corpo sempre está em pleno desenvolvimento desde a fase infantil. A pré adolescencia é anterior aos 13 anos e pode ser considerada pré, por volta dos 12 anos. Isso porque, mesmo aos 11 ou 12 ou 13 ou 14. o corpo ainda estará em desenvolvimento (o crescimento, por exemplo, não pára até aos 18 anos aproximadamente; variando entre indivíduos.
    Perto dos 12 anos você já poderá se considerar um pré adolescente.

  20. 13/01/2012 Comentário recebido
    oii tudo bem ?eu tenho 12 anos meu corpo jah é desenvolvido porem minhas pernas nao engrossam o que eu posso fazer me ajuda !!!!

    Marilena responde:
    Você ainda tem muito tempo pela frente para que seu corpo se desenvolva plenamente.

    Mexer ou alterar qualquer coisa agora, poderá modificar algo que ainda está sofrendo modificações. Se você fizer algo para engrossar as pernas, elas poderão mais tarde, ficar em desarmonia com seu corpo, pois como você ainda está desenvolvendo, elas poderão, por exemplo, ficar grossas demais, roliças e desproporcionais com o resto de seu corpo que poderá continuar magro e afinado.
    É preciso que você tenha calma e espere.
    Há meninas, ao contrário de você, super preocupadas porque as pernas estão grossas demais e querem afiná-las, para ficarem com pernas de modelos.

    Espere mais um pouco!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s